CONSIDERAÇÕES SOBRE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

EM DEFESA DA PARTICIPAÇÃO CIDADÃ

Autores

  • Ivaldo Ramos Rosa

DOI:

https://doi.org/10.56069/2676-0428.2022.127

Palavras-chave:

Administração Pública, Estado, Políticas Públicas, Participação Cidadã

Resumo

A inclusão da população na transformação do Estado implica a inserção da participação cidadã em seu redesenho institucional, bem como na formulação e gestão de políticas públicas. A transversalidade da participação, portanto, não só garante o controle e a fiscalização dos agentes governamentais, mas também dá legitimidade a um processo que exige amplo consenso, credibilidade e aceitação. Diante disso, é imperioso desvelar as concepções basilares da administração pública a fim de se defender a democracia e a igualdade de direitos.

Biografia do Autor

Ivaldo Ramos Rosa

Possui graduação em ciências contábeis pela Organização Brasileira de Cultura e Educação (1993) e Doutorado pela Universidad Americana - PY. Atualmente, é Técnico em Contabilidade da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Referências

BRASIL. Lei n. 9.784/99. Regula o processo administrativo no âmbito da Ad-ministração Pública Federal, 1999.

SORJ, Bernardo. A democracia inesperada: cidadania, direitos humanos e desigualdade social. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2004.

Downloads

Publicado

2022-04-25

Como Citar

ROSA, I. R. CONSIDERAÇÕES SOBRE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: EM DEFESA DA PARTICIPAÇÃO CIDADÃ. Revista Científica FESA, [S. l.], v. 1, n. 13, p. 65–75, 2022. DOI: 10.56069/2676-0428.2022.127. Disponível em: https://revistafesa.com/index.php/fesa/article/view/127. Acesso em: 16 maio. 2022.